Imagem - O que fazer para a minha clínica ser reconhecida no mercado?

Não existe melhor forma de se obter reconhecimento no mercado que não seja pela competência. O serviço prestado é a maior referência de uma clínica.

Se os médicos são competentes e o atendimento é humano, rápido e eficaz, a construção de um bom nome já está a meio caminho. Se o serviço prestado for ruim, não haverá esforço capaz de gerar reconhecimento. No máximo um bom trabalho de propaganda tornará a clínica conhecida – porém jamais reconhecida.

O reconhecimento vem de experiências positivas. Se alguém reconhece o talento de um escritor, é porque teve uma ótima experiência lendo um de seus livros. Essa é uma premissa que deve ser levada em consideração, porque políticas e estratégias de marketing são alinhadas a atributos reais, visando ajudar a construí-los, comunicá-los e entregá-los.

Não obstante, de pouco vale oferecer um serviço excelente se isso não é comunicado ao mercado, aos consumidores. Para que o consumidor reconheça um produto é necessário que ele o identifique perante os demais e que o experimente. São as duas variáveis do reconhecimento: a identidade e a admiração.

Abaixo fornecemos cinco soluções importantes para ajudar a responder a pergunta que intitula este artigo: o que fazer para a minha clínica ser reconhecida no mercado? Confira!

O que fazer para minha clínica ser reconhecida no mercado?

1 – Crie um site para sua clínica

A importância do marketing digital para os negócios já não é mais uma surpresa ou uma novidade. Números da pesquisa TIC Domicílios 2015 dão conta de que 58% da população brasileira acessa internet, o que corresponde a mais de 100 milhões de pessoas.

O site é o endereço eletrônico do negócio. Se o usuário está à procura de serviços médicos na internet, é impensável que uma clínica médica esteja ausente.

O site, entretanto, é muito mais que presença digital. Pode servir como base da prestação de serviços digitais ou como agendamento de consultas, mas a melhor notícia é que com uma política de utilização do marketing de conteúdo como ferramentas é possível que a sua clínica encontre os clientes e seja mais facilmente encontrada por eles – mas construir o site é o primeiro passo.

2 – Invista no atendimento

Falar em excelência em atendimento já se tornou lugar-comum. Praticá-la, nem tanto. Consumidores reclamam do atendimento das empresas diariamente, não sendo diferente com as clínicas médicas.

Para se fazer um bom atendimento é necessário reconhecer quais são as necessidades e comportamentos dos clientes para transformar em oportunidades de melhor atendê-los. Quem vai a uma clínica médica, de um modo geral, é uma pessoa que está fragilizada, que tem pressa, como todas as outras, e, provavelmente, está inserida no universo digital.

O bom atendimento é saber construir soluções a partir da identificação de quem é o cliente. Para melhorar o atendimento, há duas soluções que atendem em todas as linhas. TI e Telemedicina. A TI otimiza processos, permite agendamento eletrônico, melhora a organização, reduz burocracia e consumo de tempo com tarefas administrativas. A Telemedicina restringe a ida de pacientes à clínica, pois os laudos são quase instantâneos, contínuos aos exames e disponibilizados em uma plataforma eletrônica, o que economiza o tempo do paciente, acelera o início dos tratamentos e, com menos pacientes nos corredores, é mais fácil prestar um atendimento mais humano a todos e ser reconhecido por isso.

3 – Mostre seus títulos e cursos

Mostrar títulos, cursos, diplomas, certificados e tudo que conta de forma positiva a história da clínica e seus profissionais é uma tática excelente para se obter reconhecimento.

As pessoas esperam ser cuidadas por profissionais qualificados, experientes, reconhecidos e empenhados em melhorar a performance profissional.

Para exemplificar, é muito comum que as empresas exibam certificados, prêmios, depoimentos de clientes e políticas de desenvolvimento profissional como forma de fazer propaganda do negócio.

Na perspectiva do marketing digital, é como apresentar o currículo numa concorrência, já que o cliente está escolhendo entre diversas opções. No consultório médico, contribui para que ele se sinta seguro e confiante no médico, assim como propenso a se tornar um paciente fiel.

4 – Tenha uma identidade visual

Lembra quando nós abordamos mais acima que há duas variáveis do reconhecimento: a identidade e a admiração?

A identidade visual, o nome já diz, serve para conferir identidade à marca. Entre os elementos que conferem identidade visual à marca estão a logomarca, as cores e o design.

Essas características devem estar presentes em tudo, desde as instalações físicas ao cartão de visitas, passando pelo site da empresa.

A logomarca é um dos principais aspectos a fazer com que a empresa seja reconhecida como única, mas tudo que é visto pelo cliente deve fazer lembrar a marca.

Só para exemplificar, é só pegar uma grife famosa de moda e estilo. Nas mais famosas, se você entrar numa loja exclusiva no Brasil ou em Budapeste identificará rapidamente que se trata de uma loja da grife X.

Esse é o objetivo a ser atingido.Esperamos ter respondido à pergunta: o que fazer para a minha clínica ser reconhecida no mercado.

Seguindo essas quatro dicas, certamente sua clínica obterá maior reconhecimento, o que significa mais lucro e a possibilidade de atender cada vez melhor seus clientes.

Quer saber mais? Confira nosso artigo sobre como atrair mais pacientes para sua clínica!

Granza