Imagem - Porque a comunicação interna é importante para uma clínica?

A comunicação interna é uma ferramenta muito importante para o desenvolvimento de uma boa gestão de negócios. Hoje em dia, é imprescindível que você saiba se comunicar com o seu público-alvo para conquistar uma efetividade maior dentro de um mercado que se mostra tão competitivo.

Atualmente, o mercado é dividido por nichos e encontrar o seu lugar e seu público é fundamental. A sinalização de uma comunicação interna aberta pode ajudar o gestor de uma clínica a ser mais assertivo nas suas estratégias de relacionamento com os seus colaboradores, trabalhando a motivação, o trabalho em equipe, a satisfação com o trabalho e o bem-estar da empresa.

Descubra abaixo porque a comunicação interna é importante para uma clínica e saiba como aproveitar ao máximo os benefícios da comunicação interna!

O que é comunicação interna?

Comunicação interna é toda a troca de informações e dados que ocorre dentro do ambiente de uma empresa. Dessa forma, ela pode ser entre chefes e funcionários ou mesmo entre profissionais que estão no mesmo nível de hierarquia. A comunicação interna é usada, principalmente, para fazer com que informações importantes para a gestão seja passada de maneira autêntica e clara.

Por exemplo, a gestão pode deixar todos os seus colaboradores internos a par de suas ações, valores de trabalho e missão da empresa por meio de uma comunicação interna planejada. Bem como as estratégias de atuação no mercado em que está inserida, permitindo que líderes e equipe estejam alinhados com o engajamento dos resultados. Vale dizer que a comunicação interna é uma via de mão dupla, assim, os gestores também devem estar abertos a escutarem a equipe da empresa.

Porque a comunicação interna é importante para uma clínica?

Se bem planejada e utilizada, a comunicação interna traz grandes vantagens para o diálogo interno da gestão de uma clínica. Por exemplo, um dos principais benefícios é o alinhamento da equipe, todos em busca dos mesmos objetivos e resultados e seguindo os valores da clínica. A comunicação interna também é fundamental para valorizar o trabalho dos colaboradores, atuando com motivação e comprometimento pelo que é feito.

Com os profissionais mais engajados, o aumento de produtividade da clínica se torna mais recorrente, o que traz uma vantagem competitiva até mesmo em relação aos concorrentes. Tudo isso traz uma melhora significativa no ambiente de trabalho, evitando rumores e boatos, por exemplo, que podem prejudicar a transparência da gestão. Trabalhar as relações interpessoais traz um impacto muito positivo para a rentabilidade do negócio.

Por fim, a comunicação interna também é um fator que ajuda a integração de novos colaboradores ou parceiros, fazendo com que a adaptação seja mais fácil e ágil no ambiente.

Quais canais devo utilizar?

Agora que sabemos porque a comunicação interna é importante para uma clínica média, é necessário entender quais canais você pode usar para que a informação chegue de maneira clara e eficaz para os seus colaboradores. Para isso, muitas ferramentas estão disponíveis.

A newsletter é um dos meios mais conhecidos hoje em dia, principalmente pelo fato de poder agregar diversas formas de comunicação, como textos, imagens e vídeos, links externos, entre outros. Caso você tenha uma newsletter, é importante manter uma boa periodicidade e ter assuntos relevantes para compartilhar com os seus colaboradores. Temas como eventos, resultados de estratégias e ações, comunicados internos, dicas externas e até mesmo um espaço para os seus funcionários se manifestarem trazem um conteúdo interessante para quem lê.

Outro canal de comunicação interna que vem ganhando cada vez mais espaço é a televisão corporativa ou, atualmente, canais no YouTube. O formato de vídeo sempre foi muito atrativo e utilizá-lo a seu favor para o desenvolvimento da comunicação interno se torna uma opção bastante eficaz. É possível ter entrevistados internos e externos que possam agregar em um assunto recorrente a clínica, bem como outros programas e registros.

Os eventos também podem ser considerados um canal de comunicação interna, uma vez que eles são utilizados com vários propósitos, inclusive estreitar a relação interpessoal de profissionais da clínica, entre líderes e equipe ou pessoas de áreas diferentes. Ter um tempo de confraternização é fundamental para o bem-estar do negócio.

E então, como anda a comunicação interna da sua clínica? O que acha de colocar em prática os ensinamentos deste post na sua gestão? Lembre-se que uma comunicação interna eficaz deve ser flexível e aberta para a sinalização e colaboração de todos da empresa!

Aproveite para conferir nosso artigo sobre como melhorar o atendimento da sua clínica!

Granza