Imagem - Significado das cores: sugestões para melhorar sua identidade visual

Provavelmente, você já ouviu falar sobre o significado das cores. Há uma ideia geral de que elas impactam nos nossos sentimentos e até mesmo na forma como nos comportamos.

Se as pessoas se preocupam em não pintar o quarto de vermelho vibrante, por exemplo, faz todo sentido que essa mesma preocupação se estenda para a identidade de uma marca, certo?

E é exatamente sobre isso que iremos falar no texto de hoje: será que as cores impactam no design da sua marca de uma forma que possa mudar como os seus clientes te enxergam? Confira mais abaixo!

Significado das cores: Exemplos de cores e seus significados!

A psicologia das cores explica o porquê algumas delas são mais ou menos recomendadas para cada tipo de atividade profissional. Separamos alguns exemplos interessantes para termos como base:

Preto

A cor preta remete à sofisticação, elegância e traz a autoridade capaz de melhorar sua identidade visual. Aplicada de forma correta e sem sobrecarregar a imagem, ela é excelente para empresas mais sérias, como advocacias, por exemplo.

Vermelho

Por que o vermelho não é indicado para dormir? A resposta da psicologia das cores explica que a cor traz atenção, estímulo a ação – exatamente o contrário do que se espera quando estamos no quarto à noite.

Já quando pensamos em vendas, usar a cor vermelha pode ser um bom negócio e ajudar a melhorar sua identidade visual, dependendo de qual o foco da sua empresa.

Empresas de alimentos, de vendas e até de marketing são bons exemplos para o uso de cores mais vibrantes como o vermelho. Em alguns casos, mesclar com outros tons alegres é uma ótima saída.

Amarelo

O amarelo é uma cor que remete à criatividade – excelente para negócios que trabalham com artes, como escolas, agências de publicidade e até empresas envolvidas com teatro e moda, por exemplo.

Percebeu o quanto a psicologia das cores pode transformar sua identidade visual? Esses são apenas alguns exemplos de uma infinidade de opções disponíveis para trazer autenticidade e conversar com o seu público.

As cores do seu negócio

A dúvida que pode surgir agora que você entende mais sobre o significado das cores é: como usá-las a favor do meu negócio? A melhor dica que podemos dar é que você encontre um profissional para te ajudar nesse processo.

Geralmente, a pessoa que irá trabalhar as cores na sua identidade visual é o Designer. Para exercer sua profissão, ele precisa compreender a psicologia das cores e saber como aplicá-las de forma harmônica.

O designer precisará ter noções de combinações que conversem com seu público e atinja em cheio os seus objetivos. Por isso, evite ao máximo apostar em uma identidade sem ajuda profissional – cada detalhe faz diferença no resultado final.

O processo de escolha das cores é, basicamente:

– Branding, quando o designer saberá quais são os objetivos do seu negócio e o público que você deseja atingir.

– Apresentação de uma opção visual baseada em estudos.

– Finalização que possa unir o seu gosto pessoal com a melhor aplicação da técnica.

Gostou das nossas dicas sobre a psicologia das cores e quer fazer um orçamento para sua empresa? Fale com a Granza!

Granza